Imprensa

Aqui as notícias do Bar do Luiz Nozoie

 

 

 

Playboy
Dezembro/ 1986


Minha Cidade
    
               por Celso Nucci 

Com o título de
Pequenos Segredos 
Celso Nucci escreve essa
matéria que descreve com
rigor o Bar do Luiz,
começando assim :
"Parece brega partir para os
lados do Jardim Zoológico e
entrar num boteco para tomar
cerveja e comer pastel... pode
até ser, mas mudar um pouco
seu itinerário é descobrir outras
faces desta metrópole..."
... e mais adiante conta:
"... é uma casa de japoneses Luiz e Shizue, que tocam o negócio
literalmente com as próprias mãos..." 
e ainda termina assim:
"... o resultado é uma união
simpática de pastéis crocantes e cervejas irresistíveis.
Vale a distância! "

 

Playboy 
Junho/ 1990


Playboy em São Paulo
 
O guia dos pecados capitais 
 

Super seleção das melhores dicas e programas eleitos pela confraria Playboy

 

"Fugindo dos pontos sofisticados da moda o Bar do Luiz faz sucesso com seu ar de boteco tradicional.
A receita é simples: pastéis
crocantes e cervejas que antes de irem para as mesas, são mergulhadas em um tanque cheio de água, gelo e sal grosso que as deixam no ponto..." 

Veja São Paulo
27/09/1995 



50 Bares

 

Um boteco com jeito de
casa de família

" Visto de fora, o Bar do Luiz parece um daqueles botequins vagabundos que vendem pinga e ovo colorido, apertado, com um toldo na frente... mas essa fachada esconde um lugar especial. Além do atendimento simpático, o bonachão Luiz exibe uma técnica que faz sucesso com a clientela... ele criou um jeito inusitado de gelar as cervejas, usando uma sorveteira antiga..."

 

 

 

 

 

Veja São Paulo
Guia - 1996

Um guia para curtir a
sua cidade

Bar do Luiz

"Sob aparência de boteco vagabundo, esconde bebidas e petiscos de qualidade...
o proprietário toma conta de tudo sem nenhum empregado,
apenas com a ajuda da família... sua técnica original de gelar as cervejas, usando uma sorveteira antiga garante a rapidez do serviço..."
 

 

 

 

 

Playboy
Outubro-1998

O guia dos pecados capitais

Bar do Luiz

"Curiosidades e histórias contadas pelo proprietário Luiz Nozoie fazem o charme desse boteco simples. É ele, por ex, que pesca e prepara os saborosos peixes-espadas e prejerebas. Sua engenhosidade transformou a antiga máquina de fazer sorvetes num tanque de refrigeração de garrafas de cerveja. A cerveja, aliás, é motivo de um segredo guardado pela esposa do S Luiz, Dona Shizue. Há quem jure que ela utiliza doses da bebida na massa de seu crocante pastel. "Minha mãe apenas substitui a água por cerveja nos pastéis que ela prepara..."  entrega sem querer sua filha Marcia...

 

Revista JÁ
22/8/1999
 

Diário Popular

Boteco de família

Bar do Luiz
"Eu recomendo"
Silvio Lancellotti 

Um boteco familiar em que um casal e 3 filhos cuidam da cozinha, do balcão e do atendimento. Até bem pouco tempo nem placa na porta tinha. A sua simplicidade é saudavelmente enganadora. No Bar do Luiz se come petiscos sensacionais como o polvo a vinagrete servido em porção generosa. Não deixe de visitar a geladeira onde gelam as cervejas, na verdade uma sorveteira da idade da pedra...

 

próxima página                                                                                                  home